quinta-feira, 11 de julho de 2019

Filmes bons ou ruins: como saber qual é?


Quando se trata de crítica de filmes e filmes, geralmente há um consenso geral sobre se um filme vale o seu tempo. Sim, temas são desempacotados, performances são criticadas, e elementos problemáticos são confrontados, mas no final, um filme é marcado "bom" ou "mau".
Mas e aqueles filmes que existem naquela linda área cinzenta? O que fazemos com aqueles filmes que são tão horríveis, que perdem a marca tão mal, que acabam por proporcionar mais prazer do que nojo? Os filmes que são tão maus que são realmente bons? Eles precisam de uma categoria só para si, onde podemos dissecá-los e identificar como eles podem ser tão dignos, mas tão bons.

Porque sejamos realistas: às vezes, assistir a uma peça de cinema fenomenalmente atuada, produzida e dirigida pode ser cansativo. Há tanto para absorver, entre as vistas, sons, cores, diálogo, cenário e cinematografia; a experiência certamente não é para os fracos de coração. Isto atrai-nos para aquelas peças de arte que foram criadas com menos cuidado, que não se importam se adivinharmos o final ou assarmos os atores o tempo todo.
Talvez a representação seja tão horrível que não pode desviar o olhar. Talvez o enredo seja mantido junto por tantas cordas sem sentido que se transforma em uma comédia de duas horas. Talvez tenha percebido que o filme está mal escondido há minutos, e quer ver os personagens principais subdesenvolvidos a girar ao vento até que a lâmpada se acenda nas suas cabeças. Seja qual for a razão, os filmes bons e maus formam um canto maravilhoso da indústria cinematográfica, e eles devem ser celebrados em vez de ser criticados.
Por isso é sempre importante saber o que você vai pesquisar corretamente em sua seleção de filmes antes de assistir eles, pode ser que muitos não tenham aquilo que você precisa ou quer ver no momento.


Como sei que um filme é bom antes mesmo de assistir ele!


Se é como eu e sei que sou, gosta de ir ao cinema. Vê bons filmes e maus filmes. Às vezes é óbvio porque um bom filme é bom ou um mau filme é mau, mas às vezes é difícil de dizer. As pessoas gostam de defender os seus sentimentos, por isso, se te sentir bem ao sair de um filme e te perguntarem porque foi bom, encontrará uma razão. As pessoas muitas vezes gostam de certos gêneros, mas isso não significa que gostam de todos os filmes desse gênero, ou odeiam todos os filmes que não são. De vez em quando, vai ao tipo X de filme que normalmente não gosta, e sai do cinema sorrindo. Porquê?

Há algumas perguntas importantes que você deve fazer a si mesmo sobre cada filme que você vê. Isto vai dizer-lhe quais são os blocos de construção do filme. Esses blocos de construção são o que fazem um bom ou mau filme. É assim que os roteiristas e Editores de histórias determinam se uma história é boa. Assim como você não precisa saber cozinhar para desfrutar de um suflê, você não precisa saber essas coisas para desfrutar de um filme, mas essas qualidades são o que separa boa comida de calorias vazias.

Quem é o herói?

Se não consegue responder a esta pergunta, todo procedimento é uma treta. Isto deve ser muito óbvio depois de ver o filme. Até nos filmes em conjunto devia ser capaz de fazer isto. Em filmes conjuntos isso deve ser realmente fácil, porque a história de cada herói é menor e, portanto, mais fácil de encapsular.
Um mau exemplo é agora você me vê, em que o único personagem que muda (essencial para todos os heróis, exceto James Bond) é o agente do FBI que você não vê muito até o fim. Nenhum dos outros personagens principais corresponde a todas as características do herói.

segunda-feira, 8 de julho de 2019

Como se inscrever no exame do CRC?


Para obtenção do Registro profissional no Conselho Regional de Contabilidade (CRC) os Bacharéis em Ciências Contábeis passam pelo Exame de Suficiência, que é realizado pelo Conselho Federal de Contabilidade (CFC).



Neste ano o prazo de inscrições da 1ª edição foi de 22 de abril a 22 de maio de 2019, com a taxa custando R$110,00 (cento e dez reais). O valor da inscrição deveria ser pago até o dia 23 do mês de maio.
Mas, se você não conseguiu realizar sua inscrição para participar da 1ª edição de 2019 do Exame de Suficiência, não tem problema. A 2ª edição do Exame de Suficiência está prevista para acontecer em outubro deste ano, e as inscrições devem ser abertas durante o mês de julho.
Quando o edital do 2º Exame de Suficiência for publicado, você deverá efetuar a sua inscrição exclusivamente, pela internet, nos sites da Consulplan (www.consulplan.net) e do CFC (www.cfc.org.br). Para a efetivação da inscrição será necessário:
  1. preencher o requerimento de inscrição pelos sites da Consulplan (www.consulplan.net) ou do CFC (www.cfc.org.br);
  2. optar pelas cidades de realização da prova;
  3. imprimir o boleto bancário, que deverá ser pago em qualquer banco, impreterivelmente, até a data de vencimento constante no documento. O banco confirmará o seu pagamento à Consulplan.
A inscrição via internet só será efetivada após a confirmação do pagamento feito por meio do boleto bancário até a data do vencimento constante no documento. O pagamento após a data de vencimento implicará o CANCELAMENTO da inscrição.

Saiba o que cai no Exame do CFC

A prova contará com 50 questões e os conteúdos terão como base as disciplinas cobradas durante todo o curso de Ciências Contábeis:
  • Contabilidade Geral,
  • Contabilidade de Custos,
  • Contabilidade Aplicada ao Setor Público,
  • Contabilidade Gerencial,
  • Controladoria,
  • Noções de Direito e Legislação Aplicada,
  • Matemática Financeira e Estatística,
  • Teoria da Contabilidade,
  • Legislação e Ética Profissional,
  • Princípios de Contabilidade e Normas Brasileiras de Contabilidade,
  • Auditoria Contábil,
  • Perícia Contábil
  • Língua Portuguesa Aplicada.

Curso Exame CRC

Durante sua preparação é interessante buscar apoio de profissionais qualificados e experientes no assunto. Uma boa solução é um“curso online crc” para auxiliar na revisão dos pontos mais importantes de cada disciplina e também obter aplicações práticas das teorias vistas em sala de aula.
Ao se preparar com um “curso exame crc”, além de toda a parte teórica é muito importante ter a sua disposição uma plataforma de questões, para que você possa testar suas habilidades e conhecimentos. Assim você poderá identificar e corrigir as falhas, acompanhando seu progresso quanto ao entendimento do conteúdo.
Há opções de cursos que já disponibilizam os conteúdos de forma otimizada, na ordem correta em que devem ser estudados. Você economiza ainda mais o seu tempo, sem precisar elaborar uma planilha e não corre o risco de ficar preso ao planejamento de um plano de estudos.
Aproveite todas essas dicas para conquistar sua aprovação, inicie seus estudos agora mesmo e obtenha seu Registro profissional no Conselho Regional de Contabilidade (CRC) ainda em 2019.